A+ A A-

Atores regionais promovem o 1º Encontro Bacia do Sapucaí com foco na Agenda 2030

2 de maio foi um marco na história do desenvolvimento sustentável da região. O EPR ̶ Escritório de Projetos Regionais, braço social da empresa Alta Engenharia, com sede em Santa Rita do Sapucaí, a FAI - Centro de Ensino Superior em Gestão, Tecnologia e Educação, o Sindvel - Sindicato das Indústrias de Material Elétrico, Eletrônico e Similares do Vale da Eletrônica, de Santa Rita do Sapucaí e a Amesp - Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Sapucaí, com sede em Pouso Alegre e a SME ̶ Sociedade Mineira de Engenheiros se uniram para promover o primeiro encontro intermunicipal Bacia do Sapucaí - Território Sem Fronteiras - com o objetivo de mobilizar os municípios em relação à implementação da Agenda 2030 na região.

O coordenador geral do evento, engenheiro Edgardo Cáceres, conselheiro do EPR, avalia o evento como positivo. Ele destaca a participação da comitiva argentina, convidada especial do evento, representada por profissionais do INTI- Instituto Nacional de Tecnologia Industrial da Argentina e da UNC- Universidade Nacional de Córdoba. Diz, ele “Animados desse espírito de solidariedade, os palestrantes argentinos, entre eles o eng. Rafael Kohanoff, 92 anos, diretor do Centro de Tecnologias para a Saúde e as Pessoas com Deficiências do INTI, e o secretário de Relações Internacionais da UNC, universidade fundada em 1513 em Córdoba, hoje com cerca de 120 mil alunos, ofereceram durante a sua visita várias possibilidades de cooperação que beneficiarão a região da bacia do Sapucaí e, em especial aos estudantes que participam do Programa Scholas, liderado pelo Papa Francisco”.

Ele também ressalta a participação dos palestrantes locais, entre eles Osmar Aleixo, orientador tecnológico do EPR.

O diretor da FAI, Prof. Dr. José Cláudio Pereira, afirma que o evento inaugura as ações práticas do projeto que vem sendo construído há algum tempo pelos atores envolvidos nesta parceria. Ele ressalta que o grande desafio é implementar os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (Agenda 2030) nos municípios integrantes da Bacia do Sapucaí e que, no futuro, poderá ser estendido para outras regiões. O professor destaca que a prioridade agora é colocar em prática o plano de saneamento básico nos municípios da região.

Segundo o presidente do Sindvel, Roberto de Souza Pinto, “o encontro reuniu lideranças do Médio Sapucaí para apresentar e compartilhar soluções adotadas pelos municípios mineiros e argentinos sobre práticas de gestão sustentável e soluções de baixo custo para a melhoria de vida da população. O projeto é amplo, de cunho regional e necessita da mobilização e participação de todas as prefeituras da Bacia do Sapucaí para sua viabilização”, evidencia. Ainda de acordo com ele, para o Sindvel “foi uma oportunidade ímpar de apresentar o projeto do Parque Tecnológico Aberto de Santa Rita do Sapucaí”.

Para o presidente da Amesp, o prefeito de Turvolândia, Elivelto Carvalho, o Encontro foi proveitoso. “Houve troca de experiências e conhecimentos com o pessoal do INTI, e palestras que contribuíram muito com o evento, resta agora por em prática as parcerias propostas para que os municípios da bacia do Sapucaí possam aderir a estas práticas e assim colher bons frutos para toda à população”, ressalta.

foto 1 apac
Comitiva argentina, FAI, Sindvel e Apac/Pouso Alegre selam parceria

foto 2 pref. e outros
O prefeito de Pouso Alegre, Rafael Simões, o presidente da Amesp, Elivelto Carvalho, e comitiva argentina são homenageados durante o evento em Santa Rita do Sapucaí

pibid

icone srs icone fapemig icone peet icone bidi selo 2015
 

 

 

blue green orange red

© 2015 FAI - Endereço: Av. Antônio de Cássia, 472 - Jardim Santo Antônio - Santa Rita do Sapucaí - Minas Gerais - CEP: 37.540-000 - Telefone: (35) 3473-3000

Login

Entre com seu usuário