A+ A A-

Tecnologia, inovação e criatividade marcam a 28ª edição da Faitec - Feira de Tecnologia da FAI

“É um orgulho estarmos comemorando 28 anos de Faitec. Cada ano é uma nova emoção. Neste ano, apresentamos oitenta e três projetos. São ideias, produtos, serviços, processos que podem gerar negócios, o embrião de novas empresas que irão alimentar o empreendedorismo no Parque Tecnológico de Santa Rita do Sapucaí e no seu entorno”. São palavras entusiásticas do diretor da FAI, Prof. Dr. José Cláudio Pereira, na abertura da 28ª edição da Faitec - Feira de Tecnologia da FAI, na noite de 18 de outubro (quarta-feira) no Ginásio Poliesportivo do Alcidão, em Santa Rita do Sapucaí.

Presentes na abertura, a comunidade FAI e autoridades, entre elas, vereadores, diretoras de escolas, o vice-presidente da Fundação Educandário Santarritense, mantenedora da FAI, professor João Teles de Souza, o Secretário Municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo de Santa Rita do Sapucaí, senhor Janilton do Prado, representando o Prefeito, senhor Jefferson Gonçalves Mendes, o gerente de Inovação do Sebrae/Minas, senhor Anísio Dutra, a diretora da Prointec - Programa Municipal de Incubação Avançada de Empresas de Base Tecnológica de Santa Rita do Sapucaí, senhora Dani Xavier.

Revista Científica a Revista Inicia b Livro Jaci c

O Coral da FAI fez sua estreia pública na abertura do evento. Sob a regência da professora Ana Elisa Borges, com acompanhamento do músico Arkiles Oliveira, o grupo cantou clássicos da MPB.  Na sequência, foi feito os lançamentos das duas publicações científicas da FAI, a Revista Científica, com publicações de artigos técnico-científicos escritos por ex-alunos, professores e alunos de pós-graduação, da comunidade FAI e de outras instituições, e a Revista Inicia, com publicações de alunos de graduação, sob a orientação de professores por meio do Pibic - Programa de Bolsas de Iniciação Científica, com fomento do Governo de Minas/Fapemig. Ainda na programação, o lançamento do quarto livro do professor da FAI Jaci Alvarenga com o sugestivo título Charuto Cubano. Por último, o diretor da FAI, fez um breve discurso e declarou a abertura oficial do evento.

Para o diretor da FAI, a Feira é uma metodologia de ensino e aprendizagem completa e complexa: “O aluno passa por um processo desafiador durante o ano, é testado em muitos aspectos que tem início com a montagem da equipe até a apresentação do trabalho aqui. É no fazer, que ele aprende”. E complementou:  “A Feira é resultado de um esforço coletivo, da mobilização de uma grande equipe de trabalho, de logística, de dedicação”.

O Secretário Municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo de Santa Rita do Sapucaí, Janilton Prado, que já participou da Feira como aluno e expectador, fala sobre o evento: “A Faitec tem um papel importante como fomentação de novas ideias tanto do lado tecnológico como também do lado pedagógico e criativo. Não é só importante para a cidade, mas também para o País, pelo alto nível dos projetos”.

OS PROJETOS

O Ginásio do Alcidão se transforma em ruelas com várias tendas para acolher os projetos dos alunos de Administração, Ciências Contábeis, Engenharia de Produção, Pedagogia e Sistemas de Informação que passaram por uma criteriosa seleção para ocuparem estes espaços. De múltiplas áreas temáticas, os projetos são focados em indústria, gestão, educação, entretenimento, gastronomia e temas mais contemporâneos como sustentabilidade e qualidade de vida, entre outros.  Além dos projetos dos graduandos, enriquecem o evento a participação de instituições de ensino convidadas: a ETE e o Colégio Tecnológico Delfim Moreira. A Intef - Incubadora de Empresas da FAI, o NPDI/FAI - Núcleo de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da FAI e a Prointec também ocupam espaços de destaque no evento.

Ciências Contábeis foto 4

Com o tema Sustentabilidade, participam da Feira o projeto FHL Iluminação Sustentável, de um grupo de alunos do 4º período de Ciências Contábeis, entre eles, Hudson Rafael Oliveira da Silva. “Nosso projeto baseia-se em implantar um sistema de custeio de uma empresa fictícia baseada em dados reais que trabalha com lâmpadas e luminárias de led e drives (bateria). Estamos acompanhando a tendência do mercado e iremos partir para a prática com a criação da empresa aqui em Santa Rita. Seremos cinco sócios, os autores do projeto”, explica.   

foto 5 administração

Também com esta temática, o projeto Calçadas Ecológicas, de autoria de um grupo de alunos do 2º período de Administração. A representante do grupoKaroline Cássia de Castro Souza conta que o projeto nasceu a partir de uma profunda pesquisa que fizeram e descobriram uma fábrica de bloquinhos ecológicos para construção de calçadas no sul do País. “No primeiro ano do curso, trabalhamos com Plano de Negócios e detectamos que é viável, pois trata-se de um produto poroso, que possibilita a infiltração da água no solo e é feito a partir de plástico derretido e brita. Um produto com apelo sustentável, pois temos consciência que o futuro do Planeta, depende de nós”, relata.

Projeto de Sistemas de Informação foto 6

A área de educação é tema não somente para projetos do curso de Pedagogia. Os alunos de Sistemas de Informação também dedicam grande parte de seus trabalhos a esta temática. Um deles é o projeto Life Stories, desenvolvido por um grupo de alunos do 4º ano.  O aluno João Pedro de Paula fornece detalhes do projeto: “O Life Stories é um sistema de software que fornece um canal de aprendizado para estudantes de línguas estrangeiras que queiram se comunicar com idosos falantes dessas línguas residentes em instituições de longa permanência como os asilos de qualquer parte do mundo”. Sobre a continuidade do projeto pós Faitec, o aluno diz: “Temos parte do projeto pronto. A Faitec é um ótimo laboratório para obtermos feedback”.

Projeto de Pedagogia foto 7

Três pinturas de artistas famosos: Abaporu, de Tarsila do Amaral, A noite estrelada, de Van Gogh, e O Grito, de Edvard Munch foram a inspiração para criação do projeto Click’Art, de um grupo de alunas do 2º período de Pedagogia.  Aline de Cássia Silvério Rodrigues e Giovanna Brandão Fonseca, integrantes da equipe, falam sobre o projeto: “Por meio das três obras, o público faz a releitura usando a fotografia e o desenho. Funciona assim: o visitante escolhe um adereço – se quiser – temos coroa, chapéu de pirata, espada e interage com a pintura afixada na parede. Fotografamos, revelamos a foto na hora e a partir da sua foto, ele faz um desenho e deixamos em exposição até o final da feira”.

foto 8 Engenharia de Produção

Os projetos dos alunos de Engenharia de Produção são direcionados para indústrias. Os acadêmicos do 6º e 8º períodos desenvolvem projetos com base na metodologia de resolução de problemas, por meio da qual analisam e apresentam uma solução de um problema real de uma empresa. A equipe Ata Engenharia formada por um grupo de alunos do 6º período, entre eles Alisson Augusto Costa Faria, teve a incumbência de resolver um problema na Prática Fornos, de Pouso Alegre. “Nosso objetivo foi zerar os defeitos no processo de qualidade da empresa e conseguimos. Apresentamos para a diretoria da empresa e nosso estudo está em análise por eles”, comenta.

Durante a Feira, foram feitas inscrições para o Vestibular FAI 2018 com valor promocional.

Na próxima edição, os vencedores da Faitec.

Abertura foto 1
A diretoria da FAI e os coordenadores dos cursos na abertura do evento

foto 2
O Secretário Municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo de Santa Rita do Sapucaí, Janilton Prado, a vice-diretora da FAI, Profa. Ma. Silvana Lima, o diretor da FAI, Prof. Dr. José Cláudio Pereira e o gestor de Marketing e Comunicação, Prof. Dr. Aldo Ambrósio Morelli na abertura do evento.

Coral foto 3
Apresentação do Coral da FAI 

 

pibid

icone srs icone fapemig icone peet icone bidi  Selo 2017 2018
 

 

blue green orange red

© 2015 FAI - Endereço: Av. Antônio de Cássia, 472 - Jardim Santo Antônio - Santa Rita do Sapucaí - Minas Gerais - CEP: 37.540-000 - Telefone: (35) 3473-3000

Login

Entre com seu usuário