Entrar no mercado de trabalho é um motivo de preocupação para muitas pessoas. Seja a primeira vez ou não, é normal que passar por uma entrevista de emprego cause um pouco de ansiedade.

Então, a melhor dica é investir na preparação para aumentar as suas chances de se dar bem nessa missão — e, assim, ficar mais perto de conquistar a tão desejada vaga. 

Você já se sente preparado para isso? Se quiser conferir alguns truques indispensáveis, acompanhe a lista abaixo!

1. Cuide da sua imagem

Não há como negar que o seu visual pode causar impressões positivas ou negativas. E isso não tem a ver com a cor do seu cabelo ou com o seu gosto pessoal para roupas. A grande questão é estar adequado para a ocasião.

Isto é, algumas entrevistas requerem trajes sociais, enquanto em ambientes mais despojados geralmente não é preciso ser tão formal. Aliás, não é o caso ficar preso à dicas de moda ou beleza, mas sim de apresentar uma aparência bem cuidada, que mostre que você se preparou para aquilo e não levantou da cama de qualquer jeito.

Na dúvida, vale evitar os exageros e não arriscar tanto até perceber como será o seu possível ambiente de trabalho.

2. Seja pontual

Não pense que uma imagem positiva é construída apenas pela sua aparência. O seu comportamento também influencia muito na impressão que as pessoas (e a empresa contratante) vão ter de você.

Um dos erros mais comuns nesse sentido é chegar atrasado para a entrevista. Ainda que a programação comece depois que o previsto, estar presente na hora marcada é sinal de responsabilidade. Portanto, organize tudo com antecedência para que a pontualidade seja mais um ponto a seu favor.

3. Evite mentiras

Querer muito conquistar a vaga não é motivo para falar mentiras que possam favorecer o seu sucesso no processo seletivo. A sinceridade vale muito mais do que tentar parecer alguém que você não é, até porque o problema fica ainda maior se for realmente contratado. 

Além do mais, na maioria das vezes os recrutadores conseguem identificar o perfil mentiroso. Ou seja, mentir que domina um idioma, uma ferramenta específica ou que possui determinadas habilidades não é uma boa ideia. Se for o caso, assuma as suas deficiências e demonstre vontade de aprimorar as competências necessárias para ocupar o cargo.

4. Manifeste o seu interesse

Antes de chegar na entrevista, faça a sua lição de casa e pesquise sobre o contratante. Busque informações da história da organização, dos seus valores, do que ela oferece ao seu público, além de analisar os dados gerais do mercado e da concorrência.

Isso vai fazer com que você chegue mais maduro para a seleção e, ainda, consiga demonstrar interesse em fazer parte daquele time e contribuir para os seus objetivos. Lembre-se que qualquer sinal de alienação pode ser perigoso!

5. Esteja sempre atento

O nervosismo costuma ser um sentimento comum em entrevistas de emprego. O desafio é não deixar que a tensão complique o seu desempenho, não é verdade? Para ajudar, fique alerta e atento ao que acontece à sua volta.

Preste muita atenção na fala das pessoas, principalmente para seguir as orientações do jeito certo e responder às perguntas com determinação. Em outras palavras, tome cuidado para não ficar tão nervoso a ponto de ficar aéreo e colocar tudo a perder.

6. Estude as perguntas mais comuns

Se você ainda não está acostumado com esse tipo de situação, vale fazer uma busca para ter uma ideia do que acontece em uma entrevista de emprego. Ainda que cada instituição tenha as suas regras e um jeito próprio de fazer isso, dá para conferir como esse ritual costuma acontecer.

Uma boa dica é apostar em autoconhecimento para não se sentir tão perdido com algumas questões. Comece a pensar nos seus objetivos para o futuro, nas suas preferências e habilidades profissionais e também reflita sobre a sua experiência. Tudo isso vai ajudar a se sentir um pouco mais preparado.

7. Demonstre profissionalismo e confiança

Manter uma postura profissional é o mínimo que esperam de você. Por mais que isso tenha significado diferentes para as pessoas, considere o básico: ser educado, evitar gírias e palavrões, respeitar as regras, falar a verdade etc.

Outra coisa importante é investir na sua autoconfiança, mesmo que você esteja tenso ou preocupado. Dificilmente vão contratar alguém que não demonstra segurança no que diz, que não vê falar no que faz, que não sabe se comunicar bem ou que tem reações indesejadas. Espere ser contratado para exercer toda a sua liberdade — sempre com bom-senso!

O que achou das nossas dicas? Comece a se preparar o quanto antes para a sua próxima entrevista de emprego! Siga as nossas redes e acompanhe nosso blog para continuar acompanhando as publicações sobre educação e carreira.